Paisagismo

Jardinagem: 7 dicas para ter um lindo jardim

Jardinagem: 7 dicas para ter um lindo jardim

Cultivar plantas para alguns pode parecer algo fácil, mas para outras pessoas pode ser algo nada óbvio. São muito as variáveis: como a escolha da espécie, o

local, o modo de cultivo e tantos outros fatores, que podem resultar em exemplares mortos e espaços pouco prático. Para ajudar no trabalho e na manutenção do seu jardim deixando mais saudável e bonito, montei uma lista com 8 (oito) dicas essenciais. Vamos dar uma olhada!

1. Escolha as sementes e as ferramentas corretas

Para ter um jardim dos sonhos, não podemos economizar nas sementes e nas ferramentas de jardinagem. As sementes são a garantia que você terá plantas bem desenvolvidas. As ferramentas são essenciais para regar, podar, limpar, entre outras coisas. Algumas são antiaderentes, portanto, facilitam na hora da limpeza.

2. Manutenção

Para que planeja ter um jardim ter um jardim com variedade de flores e floração intensa o ano inteiro, a paisagista Paula Galbi aconselha: é preciso cuidar da adubação e do controle de pragas.  Para um jardim de baixa manutenção, pode optar por pedras. Elas não necessitam ser regadas e, além disso, permitem desenhos e caminhos e tanques para plantas aquáticas, sem mencionar que há uma extensa variedade de pedras com cores e texturas diferentes que podem formam um jardim muito original.

3. Use grama artificial

Todos nós gostamos de um gramado verde e bem podado, mas a verdade é que para mantê-lo assim, demanda bastante tempo. Uma boa alternativa é optar pelo gramado artificial, que não exige tanto trabalho e é tão bonito quanto o natural.

4. Porte

Antes de plantar qualquer espécie, informe-se antes o quanto ela vai crescer para não ter que trocá-la de lugar. O ficus, por exemplo, é uma árvore de raízes profundas e invasivas, capazes de estourar a tubulação e deformar o piso. Se você é do tipo de pessoa que não abre mão de plantas assim, cultive-as em vasos, de preferência de concreto armado pata limitar o crescimento.

5. Plantas frágeis

Existem plantas que são bastante frágeis e sensíveis as mudanças climáticas. Neste caso, o ideal é adicionar essas plantas em vasos leves que possam ser movimentadas, e assim, levadas para o interior de sua residência, assim que começar a sofrer mudanças nas estações.

Jardinagem

6. Vento

Se o seu jardim está sujeito à ventos fortes, evite plantar espécies com folhas largas e compridas, pois elas rasgam facilmente. Prefira as mais resistentes, como por exemplo, Viburno, Agave, Cica, Dracena, Clúsia, Orquídea-Bambú, Bálsamo, Cróton, Mussaenda, Vinca, Lavanda e Zamioculca, por serem mais resistentes adaptaram com mais facilidade.

7. Lugar certo

É importante levar em consideração o local de plantio. Áreas de circulação, por exemplo, costumam ser estreitas e não combinam com espécies com espinhos e folhas pontiagudas, como Iuca, Cica e Daslirium. Para locais como esses opte por plantas que podem ser controladas por poda, como Murta, Tumbérgia-Arbustiva, Podorcapo e Nandina. Para cultivar os mesmos dentro de casa, veja se os vasos não vão atrapalhar em sua circulação.

Jardinagem Tulipas

8. Utilize inseticida natural

Não use defensivos agrícolas (pesticidas) químicos para tratar as suas plantas, use receitas naturais que não façam mal nem à saúde nem ao meio ambiente, abaixo deixarei 3 (três) receitinhas caseiras fácies e rápidas para auxiliar vocês.

  • Pimenta e alho são bons para repelir insetos que atacam o jardim. Os ingredientes que vocês vão precisar são 100g de alho + 100g de pimenta + 2l de álcool. O modo de preparo é o seguinte, bata no liquidificador o alho e pimenta. Despeje a mistura em uma garrafa escura junto com o álcool e deixe curtir por 7 (sete) dias. Dilua 100ml dessa mistura a cada 10l de água e pulverize as plantas que precisam ser protegidas.
  •  Coentro são bons para combater ácaros e pulgões. Os ingredientes que vocês vão precisar são 10 folhas inteiras de coentro + 1l de água. O modo de preparo é o seguinte, cozinhe as folha e a água por 10 minutos. Espere esfriar, coe e pulverize a solução sobre as plantas doentes.
  • Camomila é boa para combater os fungos. Os ingredientes que vocês vão precisar são 50g de flores de camomila + 1l de água. O modo de preparo é o seguinte, misture tudo e deixe a solução em repouso durante 3 (três) dias, agitando-a 4 (quatro) vezes por dia. Coe a mistura e pulverize-a sobre as espécies doentes.

Espero que as dicas citadas acima tenha auxiliado vocês, na hora de cuidar, cultivar e montar o seu jardim. Obrigada pela a atenção em mais um post, volto em breve com novos temas. Até logo! 🙂